Jovem cristão e de respeito. É possível?

Tradicionalmente a igreja procura líderes entre os mais velhos. É inegável que a idade traz maturidade, casualmente até pensamos que a maturidade é uma consequência da idade que avança. Mesmo Shakespeare tinha este pensamento, na peça Hamlet, a certa altura do ato existe a frase: “…pobre homem, tornou-se velho antes de tornar-se sábio”. Shakespeare entendia que o pior que pode acontecer a um homem é envelhecer sem maturidade.

Entretanto não podemos associar maturidade apenas com idade. Pois existem muitos jovens extremamente maduros, assim como velhos totalmente imaturos. E este é o propósito desta reflexão; é possível ser um jovens respeitável? É possível admitir todos os princípios e padrões cristãos, se tornar bem sucedido e ainda ser respeitado por todos? Vamos começar com o versículo, que para mim é o lema do jovem de sucesso.

Não deixe que ninguém o despreze por você ser jovem. Mas, para os que creem, seja um exemplo na maneira de falar, na maneira de agir, no amor, na fé e na pureza.” 1 Timóteo 4:12

Ser jovem não é pretexto para sermos desprezados. Pelo contrário, devemos nos orgulhar da juventude. Porém não é motivo de orgulho ser irresponsável, desobediente, fofoqueiro, etc. A bíblia nos ensina que devemos ser como modelo para os demais, se observar bem o texto, está escrito que devemos ser um exemplo “para os que creem”. Não um exemplo para os do mundo, mas um exemplo para os que estão na igreja, os que são nossos irmão e irmãs na fé.

A juventude não impede a comunhão espiritual com Deus, do mesmo modo que a idade avançada não é uma garantia desta comunhão. Ser jovem ou velho é indiferente quanto a ser maduro ou preparado para os desafios do dia-a-dia.

Vamos avaliar alguns pontos neste versículo (1 Tm 4:12):

  • seja um exemplo: O que todo cristão genuíno deve ser. Um modelo de conduta, postura e comportamento. Se eu quero ser respeitado e valorizado, o que preciso é ser um exemplo. É ser alguém que expressa confiança. Alguém que todo o tempo precisa ser chamado à atenção porque está conversando na hora errada, porque a roupa está inadequada, porque não fez o que deveria ser feito jamais será respeitado(a).
  • na maneira de falar: Na maneira como conversa (como fala). Um diálogo cheio de gírias, ou com tom de voz inadequado não inspira confiança. O modo como falamos mostra quem nós somos.
  • maneira de agir: Conduta, forma de vida ou forma como vive. Como a pessoa reage diante das questões mais básicas da vida, por exemplo:
    • quando alguém pede para você fazer algo que não quer;
    • quando você é cobrado por uma responsabilidade (cuidar das vasilhas na pia, alimentar o cão por exemplo);
    • quando alguém diz que sua roupa não é adequada;
    • como você obedece seus superiores;
    • a forma como você honra seus compromissos.
  • no amor: 1 Coríntios 13: 4-6 “O amor é paciente, o amor é bondoso. Não inveja, não se vangloria, não se orgulha. Não maltrata, não procura seus interesses, não se ira facilmente, não guarda rancor. O amor não se alegra com a injustiça, mas se alegra com a verdade.”Não podemos pensar no amor como sendo um sentimento de pai (ou mãe) para filho(a), ou, no amor entre uma mulher e um homem. O amor é o fruto do espírito (Gálatas 5:22), 1 João 4:8 fala que “Deus é amor”, o amor é um atributo de Deus e não uma característica. Lembre-se que um dos milagres de Jesus foi colocar de volta a orelha do soldado que O prendeu (Lucas 22:51); Jesus amou até os soldados que o pregaram na cruz (Lucas 23:24 – Jesus disse: “Pai, perdoa-lhes, pois não sabem o que estão fazendo”).
  • na fé: este item requer pouco comentário. Uma pessoa que se declara evangélica, servo de Deus, como é que esta pessoa simplesmente não tem fé? A fé é uma característica do cristão. Portanto essencial ao jovem que deseja ser respeitado por todos. Por que “De fato, sem fé é impossível agradar a Deus...” (Hebreus 11:6).
  • na pureza: este ponto merece atenção especial. Ser puro não é aquela pessoa inocente, que nunca fez nada de errado, quem nem “sabe como pecar”, blá blá blá. Pureza, ou podemos dizer “Santidade” é uma escolha. Alias nem é escolha, é mandamento. Em levítico 19:2 está escrito “Sejam santos porque eu, o Senhor, o Deus de vocês, sou santo.” Santidade não é desconhecer o mal, mas sim, por opção, não praticar o pecado. Quem quer emagrecer, decide que vai perder peso e faz uma dieta. Isto é escolha, não é coincidência (acaso). Ser santo, ser puro, é uma questão de escolha.

 “e não vos conformeis com este mundo, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que proveis qual é a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.” Romanos 12:2

Não podemos admitir que um jovem não cristão seja mais puro que um jovem cristão. Os jovens da igreja devem ser um exemplo de comportamento para os que estão fora da igreja e não o contrário. Não se conformar com este mundo, é não se acostumar (achar normal) com o que ele tem para oferecer:

  • o que é certo para o mundo pode não ser certo para a bíblia;
  • o padrão de honestidade do mundo está muito abaixo do padrão de honestidade da bíblia; Ser desonesto no mundo é coisa boa, é se “esperto”. Para nós é ser um pecador e que tem por destino o inferno.
  • as novelas do mundo, assim como as músicas falam de sexo, traição, abandono, violência; tentam nos convencer que homossexualismo, divórcio, adultério, etc. é normal.

Além de tantas outras coisas que são rejeitadas por Deus. A bíblia nos diz que devemos mudar o mundo pela renovação da nossa mente. Isso é diferente de se acostumar com o que o mundo faz, mas sim, mudar o mundo mudando primeiro nossa mente, por isto está escrito “transformai-vos pela renovação da vossa mente”. Ser jovem é motivo para se orgulhar, e não para se envergonhar. No entanto, o que a bíblia nos ensina é que para reivindicar este respeito é preciso muito mais do que apenas querer.

Por: Ricardo Moreira Braz do Nascimento

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: