04 pregadores que eu gostaria de conhecer

Seu eu pudesse voltar no tempo, e vivenciar algum evento do passado. Gostaria de ouvir a pregação de 04 pessoas.

  1. Santo Ambrósio (340?-397) – Santo Agostinho ainda não era convertido, achava a bíblia rude, com texto pobre e ignorante, portanto um livro indigno para homens intelectuais. Mesmo assim, Agostinho foi a Milão para ouvir os sermões de Ambrósio. E ouvindo estes sermões de Ambrósio, o coração de Agostinho foi quebrantado e por fim se converteu. Agostinho é o maior nome da filosofia cristã e até hoje influencia o pensamento teológico.
  2. Girolamo Savonarola (1452-1498) – Diz a tradição, que Michelangelo lia sermões de Savonarola enquanto pintava a Capela Sistina. Também é dito que a pintura da capela Sistina é a versão dos sermões de Savonarola em cores. Michelangelo definiu os sermões de Savonarola em duas frases “Aquela voz, Aquela voz. Como esquecer aquela voz.”
  3. Jonathan Edwards (1703-1758) – Em 1741 Edwards pregou um sermão com o título “Pecadores nas mãos de um Deus irado”. As pessoas disseram que o rosto de Jonathan Edwards resplandecia (brilhava) durante a pregação; durante este sermão Edwards foi interrompido por um barulho, quando olhou as pessoas estavam se segurando nos bancos e colunas da igreja com medo do chão se abrir e engolir a todos.
  4. George Whitefield (1714-1770) – Ele é conhecido como o “príncipe dos pregadores ao ar livre”. Seus sermões eram transcritos e divulgados em vários jornais da época. O filósofo empirista David Hume (ateu) assistia suas pregações; ao ser questionado se Hume agora cria na pregação de Whitefield, respondeu: “eu não creio, mas ele (Whitefield) crê”. Mesmo assim, ao final de cada dia, Whitefield chorava e pedia perdão, pois considerava que seu sermão havia sido ruim e assim estava desonrado a Deus.

Ao ouvir estas histórias, sobre grandes pregadores do evangelho, sinto que ainda temos muito a aprender quanto ao poder das escrituras e a proclamação da Palavra de Deus. Quem sabe um dia todo o poder do evangelho chegue ao nosso conhecimento. Como disse Charles Spurgeon: “Defender a Bíblia? Seria o mesmo que defender um leão. Simplesmente dê liberdade à Bíblia. Ela defenderá a si mesma.”

Por: Ricardo Moreira Braz do Nascimento

9 comentários em “04 pregadores que eu gostaria de conhecer

Adicione o seu

    1. Obrigado pelo apoio Kelly. A história da igreja é rica e com grandes homens e mulheres de Deus para serem lembrados. Infelizmente muitos deles foram declarados “santos” pela Igreja Católica Romana e ao mesmo ignorado pelos demais cristãos.

      Curtido por 1 pessoa

      1. Quanto ao “santos” é verdade Ricardo. Só fui entender isso (deixar meu preconceito e enxergar que a Igreja sempre esteve viva, que havia homens e mulheres de Deus no tempo das trevas da igreja romana) quando li o excelente livro “As Catacumbas de Roma, de Benjamin Scott”.

        Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: