Fujamos do Evangelho de multidões!

  1. Porque é um evangelho que visa à curiosidade, depois da curiosidade satisfeita o interesse pelo evangelho desaparece (O jovem rico).
  2. Porque é um evangelho que visa somente o “imediatismo”, o aqui e o agora. Visa apenas o interesse primordial que são os bens materiais; quanto ao resto nada além de promessas de curas e pão para saciar a fome do corpo. Porem nada para saciar a fome da alma.
  3. Porque é um “evangelho de “descompromissados”. Toda aquela multidão não é permanente, ela se faz e se desfaz a todo momento. Jesus disse: “Onde estiverem dois ou três reunidos em meu nome, ali estarei” (Mateus 18.20). Jesus pregou para as multidões, mas, pregou para uma única pessoa, por exemplo: a Samaritana no poço de Jacó.
  4. Porque é um evangelho que não produz convicção, os que seguem a multidão, pensam e agem conforme a multidão.
  5. Porque nem sempre a voz do povo será a voz de Deus.

Por Giovani Ribeiro Alves

Um comentário em “Fujamos do Evangelho de multidões!

Adicione o seu

  1. Refletir sobre palavras inspiradas do prof. Giovani é sempre um agradável texto que prova que a simplicidade nos entrega profundidade. Após cada ano, percebemos o quanto é importante saber onde queremos chegar, sempre houveram muitos caminhos, e sempre existiram os inadvertidos, e esse perigo comum está ampliado pelo mal da distração, ela é nossa inimiga mais feroz, e a multidão contaminada com a distração não responde ao chamado do evangelho. Voltemos as escrituras sempre.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: